Cães cobaias vêem o sol pela primeira vez

Toda criança tem um sonho do que quer ser quando crescer. O meu era ser cantora veterinária.

O tempo passa e a gente vai descobrindo que ser astronauta ou jogador de futebol não é tão fácil quando gostaríamos que fosse, então, escolhemos novos sonhos. Como fazer publicidade (sim, eu sei…).

E embora meu ganha pão tenha mudado, meu carinho por animais continua o mesmo. Talvez por isso eu tenha chorado um monte ao assistir a esse vídeo: 9 beagles encontram a natureza, pisam na grama e vêem o sol pela primeira vez.

Mas como assim?!

Uma empresa espanhola de cosméticos usava os cachorrinhos pra testar os produtos. Quando faliu, pretendia matar todos eles. Uma ONG (ARME) interveio ( :) ) e conseguiu resgatá-los, tomando a “guarda” dos 72 cães (que serão adotados).

All Dogs Go to Heaven

No primeiro encontro entre esses 9 beagles e a natureza, eles filmaram o receio, a tensão e a docilidade desses cãezinhos. Cada passinho vacilante dado após 10 minutos encontrando coragem para “chegar ao mundo” é emocionante. E o carinho deles com as pessoas, então?

Não dá pra entender como a gente que é gente, e que, portanto, deveria servir de exemplo de amor, faz o que faz. E faz o que faz com cachorrinhos assim, de olhos doces, inseguros e perdão incondicional.

Agora, pense em você… preso durante toda a sua vida em um espaço minúsculo, pisando na grama e vendo o sol pela primeira vez. Como se sentiria?

***

A notícia completa:

Os 72 cães usados para testes laboratoriais (cosméticos) viveram toda a sua vida enjaulados, quando, após a falência da empresa espanhola, foram libertados e viram a luz do sol pela primeira vez.

Usados para testes  de cosméticos, 72 cães viveram toda a sua vida fechados numa jaula. Agora, com a falência da empresa, foram libertados e viram a luz do sol pela primeira vez.

Os animaizinhos, marcados com um número tatuado na orelha, eram usados para certificar de que os produtos estavam liberados para uso humano. Uma sociedade protetora dos animais conseguiu resgatá-los de um fim ainda pior que poderia se seguir a uma vida “em jaulas individuais, em grupos de 10 por cada sala sem nunca interagirem uns com os outros” (Gary Smith, porta-voz do grupo de resgate).

Smith também explica que “Os beagles são cães de companhia muito dóceis. Mas esse é também o motivo pelo qual são ideais para os testes de laboratório”.

Fonte: Sábado

***

Update: E dos Macaquinhos, também de testes, que viram o sol após 30 (TRIIINTA) anos? Você lembra? Se não, veja aqui, eles se abraçando.

About these ads

Sobre Lê Scalia

Mineira, corinthiana e publicitária. Apaixonada por cinema, também adora viajar: pelo mundo, por um livro ou pela vida. Às vezes irônica, sempre intolerante: a ignorância, falta de respeito e lactose. Pra mais @LeScalia.

Publicado em 01/12/2011, em Meio Ambiente e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. 5 Comentários.

  1. AI QUE TRISTE, GENTE!
    QUERO ADOTAR UM DESSES CACHORRINHOS!!

  2. matar? caralho! já que a empresa morreu querem matar tudo com ela?
    quem não adotaria um beagle, aliás?

  3. É lamentavél assistir , a acção horrenda do homem, esses ,sim deviam ser bem punidos, por fazer sofrer os animais, mas com castigos iguais, havia de haver uma LEI, que castiga-se o HOMEM de tais atos.
    Tenho um cão abandonado, está comigo há 11 anos…Haviam de seguir o exemplo, e trata-los bem….
    Dina / Porto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.403 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: