Arquivo mensal: março 2012

Correntes de email: você está amaldiçoando seus amigos

Sempre que eu recebo um email de corrente, fico pensando o que aquele remetente tem contra mim. Porque assim né… um email de corrente é uma maldição jogada sobre você, igualzinho àquela propaganda dos pôneis malditos. Você tá lá, lendo o email e pensando “ah, já pensou se o telefone toca mesmo? ah, vou tentar né, não custa nada”. E daí você começa a divagar sobre seus sonhos, dos mais bobos aos mais grandiosos, quando de repente aparece o pônei possuído com aquela voz de demo dizendo “Se você não passar esse email para 20 pessoas nos próximos 10 minutos, seu sonho nunca vai se realizar e você terá 7 anos de azar!”. Como eu disse, maldição.

pônei maldito maldição do pônei

Leia o resto deste post

BRICS, EUA e uma nova visão sobre a economia mundial

É, esse mundão tá em crise. No meio dessa bagunça toda, o jornal Financial Times resolve comparar a economia americana com as demais economias mundiais, especialmente o BRICS. Para isso, projetou na Grand Central Station de Nova York um baita de um infográfico animado.

A análise é bastante bacana, mostrando a mesma informação de diferentes ângulos. Por exemplo, China possui o maior PIB entre o BRICS, mas o maior PIB per capta é o nosso. Interessante, não?

E isso só nos mostra como analisar números superficialmente pode enganar com autoridade (lembre-se disso quando começarem as campanhas eleitorais e os dados estatísticos de como nossas cidades melhoraram ou pioraram).

Enfim, a mensagem do infográfico é clara: os Estados Unidos ainda são a maior economia do mundo, mas até quando?

E para quem gosta de “economês”, caia de boca nestes outros vídeos sobre mobile e recessão, também do Financial Times.

10 conselhos divinos para quem quer arranjar namorado(a)

É galera, mais um final de semana aí, e você preparado(a) para pegar geral na balada. Bem, aqui vão uns conselhos sagrados para arranjar namorado(a). É do DVD do Padre Chrystian Shankar, que, vejam só, tem outros vídeos conselheiros fazendo sucesso por aí.

Então é isso, né pessoal. É só seguir religiosamente os conselhos do padre e deixar de ser um forever alone ;)

Ah, eu vi isso no Coisa Semanal, há um tempinho já!

Animação de Origamis: simples e bonito de ver

Origami é a arte de transformar uma singela folha de papel em uma incrível figura sem a ajuda de tesoura e cola. Essa brincadeira secular nasceu no Japão, mas hoje todo mundo dobra papel por aí.

Toda a beleza e simplicidade do Origami foram passadas para duas animações de Mabona Origami. Confira, aprenda como fazer um rinoceronte e um carro e pareça cool para seus amigos.

Leia o resto deste post

Jogos Vorazes (The Hunger Games) – O Filme

Alguns dias atrás, postamos aqui sobre o primeiro livro da série Jogos Vorazes, que agora dispara nas bilheterias nacionais e internacionais em sua adaptação para o cinema.

Muita gente já comentou sobre o filme, e o que me animou realmente a ler o livro e, consequentemente, a ir ao cinema, foram as inúmeras críticas positivas em relação à história.

O filme, vale dizer, é bom e fiel à obra de Suzanne Collins, mas com alguns detalhes que deixam a versão cinematográfica um pouco mais adulta.

jogos vorazes papel de parede wallpaper katniss gale peeta

Leia o resto deste post

Coisas Sortidas #2

Já deu tempo de eu dar mais uma garimpada na web à procura de coisas inúteis, geeks ou simplesmente curiosas hahaha. E esta é a nova seleção de coisas sortidas, aquilo que todo geek gostaria de ter.

Bolsa Cartoon
A partir de $79 na Jump From Paper 

bolsa cartoon

-

Leia o resto deste post

Primeiro bom exemplo de como as marcas podem explorar o Pinterest

Você já deve conhecer o Pinterest, a nova mania das redes sociais. Pra falar a verdade, confesso que ainda não saquei qual é a do Pinterest, mas guardo lá algumas dicas de pautas para o Biscoitos Sortidos e algumas fotos de penteados (estou fazendo uma pesquisa para minha formatura). É mesmo como se fosse um mural, um quadro. Como se você alfinetasse aquela foto/conta/bilhete/whatever pra você não esquecer. Ou como se você prendesse com um ímã uma foto no seu mural da Imaginarium.

mural quadro imantado ímã imaginarium

Pinterest analógico...

Acontece que o Pinterest sofreu uma invasão de noivas. Elas viram uma grande utilidade na rede social para “guardar” referências de flores, igrejas, vestidos… como se recortassem fotos de uma revista de noivas. Mas ou menos como eu faço com as fotos dos penteados.

Tudo bem até aí, mas nenhuma utilidade para as marcas ainda, certo? Como as marcas usariam o Pinterest?

Já tivemos 2 manifestações até agora. A primeira foi a Peugeot, que descobriu uma maneira bem criativa de “diagramar” seu mural. Mas nada de OHHHH até aí.

pinterest peugeot

Mural da Peugeot no Pinterest

Eis que esta marca desconhecida para nós, brasileiros, a Kotex (absorventes íntimos), estreia as possibilidades promocionais do Pinterest. A Kotex selecionou o perfil de 50 mulheres e mandou presentes personalizados de acordo com o interesse de cada uma delas. O esforço é grande para uma ação envolvendo apenas 50 pessoas. Mas…

Mas caiu na rede, é peixe viral. As 50 clientes surpresas e satisfeitas postaram seus presentes não só no Pinterest, mas também no Twitter, no Facebook, e em todos seus perfis online espalhados por aí. No total, foram 694.853 impressões. Veja você mesmo e se impressione.

E o Oscar vai para… Harry Potter!

Nós todos, fãs de Harry Potter ficamos decepcionados com a falta de consideração que a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood mostrou com relação ao filme. Não vamos nem entrar num discurso fanático, mas é fato que a sequência Harry Potter conta com alguns dos melhores filmes da história do cinema. Mas só com o tempo isso será provado.

cartaz oscar harry potter

Enfim. Cada filme tem o seu valor, e nós temos carinho por todos eles, alguns em especial. E por isso, pensamos que os filmes da saga merecem sua própria premiação. 8 filmes, 4 diretores, um elenco de invejar, efeitos especiais cada vez mais realistas e emocionantes, trilhas sonoras impactantes e certeiras. Cada filme tem o seu destaque.

Por isso, resolvemos criar o Oscar Harry Potter, uma premiação exclusiva para os filmes da franquia. Uma maneira divertida de fãs fazerem sua própria homenagem à grande criação de J.K. Rowling.

A Luiza e a Letícia, aqui do Biscoitos Sortidos, fizeram uma seleção prévia dos “indicados”. Agora, é a sua vez de votar. Precisamos da sua ajuda para escolher os vencedores, então clica nesse link aqui e vote. Divulgaremos aqui mesmo o resultado da votação popular!

oscar harry potter

Posters sensacionais de filmes que não existem

Ultimamente é bem fácil fazer o poster de um filme. Seja ele grande e esperado, seja ele só mais um. Vale lembrar, por exemplo, do poster de X-Men First Class. Uma vergonha.

Não vou nem dizer que foi o estagiário que fez porque não quero ofendê-lo. Arrisco-me, ainda, a falar que ATÉ EU faria isso aí. E, bom, dito isso, não preciso falar mais nada.

Enfim, o filme (graças!) não tem nada a ver com o poster. Mas a tendência é essa… a área de divulgação parece meio displicente nesse sentido. Acho que têm a impressão que não é tão importante, vão deixando pra última hora e quando a gente vê é isso aí que tá estampado na nossa cara.

Embora o que a indústria cinematográfica nos ofereça seja “essa coisinha” sem graça, o designer (diretor de arte) francês Pascal Witaszek segue o caminho oposto. Sem fotos especiais, sem maquiagem, sem rios de dinheiro e sem mais nada nas mãos além de um photoshop, ele cria pôsteres fantásticos de filmes inexistentes.

Olivia Wilde interpretando Elizabeth Taylor.

Uma estrela. Uma esposa. Uma amiga. Uma lutadora. Um mito.

Leia o resto deste post

Jogos Vorazes (The Hunger Games)

Desde o início de 2012, eu estava empacada no tal Cemitério de Praga (ECO, Umberto). E quando eu digo empacada, quero dizer que não conseguia ler sequer uma página antes de dormir. Mas o problema é que eu tenho uma dificuldade gigante para ‘largar no meio’ livros que estou lendo (mesmo que eu não goste deles).

Um exemplo claro disso é o livro de Eco. Assim, eu só desisto após um intervalo aproximado de um ano, ou quando eu chuto o balde e vejo que isso está atrasando minha vida (porque eu também não consigo ler livremente outros livros, tenho a sensação de que há algo inacabado).

Um dos poucos livros que eu lembro de ter abandonado, depois de ter lido a metade e passado entre 06 meses e 1 ano sem pegar porque achava insuportável, foi Eclipse. (Mas esse foi tão grave que eu percebi que continuar lendo seria um desperdício de tempo ainda maior, então, devolvi os livros e fui feliz.)

Eis que essa era minha situação atual. No fim de semana, então, num ato de rebeldia, resolvi (no cinema mesmo) comprar Jogos Vorazes para ler antes do filme, já que o trailer havia me interessado – e, bom, parecia uma leitura mais simples e divertida do que a ficção italiana.

No domingo mesmo, li umas 50 páginas. Para a minha surpresa, ontem à noite eu já havia terminado a leitura. Agora, depois de toda essa enrolação, vamos às impressões que eu tive do livro.

Antes de qualquer coisa, vale a pena uma rápida sinopse.

Leia o resto deste post

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.403 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: